Adormecer Democrata-Cristão e Acordar Liberal

O aparecimento e aparente entusiasmo com a Iniciativa Liberal, juntamente com a consolidação do esvaziamento do CDS, está a levar muita gente deste último partido para o primeiro. E a questão que se coloca aqui é se é um movimento natural, próprio da regra simples da oferta e da procura, ou se há algo de muito errado nisto. A única conclusão possível é que é completamente incongruente alguém adormecer democrata-cristão e acordar liberal, pelo que só tem um nome: oportunismo político.

Podemos começar por olhar para as raízes do liberalismo, que vem do movimento iluminista, nomeadamente o inglês, o início do francês e com partes do alemão. Evidentemente, as ideias liberais são progressistas e aquilo que ficou conhecido como neo-liberalismo, apenas teve impacto na economia, por via da crise petrolífera de 70/80. Fico horrorizado quando vejo a Iniciativa Liberal a citar e vangloriar Thatcher ou Reagan: para lá da economia, a ideia primordial dos liberais do relativismo moral é contrária a esses grandes estadistas, hoje odiados pela cultura vigente por terem derrotado o Socialismo e colocado um fim à Guerra Fria. Se isto teve algum dedo liberal, como se parece querer insinuar, é absolutamente falso e anacrónico.

Temos que ser justos e afirmar que a Iniciativa Liberal veio trazer para o debate público algo que nenhum partido de direita havia feito em quase cinco décadas: as vantagens reais da diminuição do Estado e o combate ao socialismo através da falência ideológica e dos seus modelos económicos. Se queremos ser ainda mais justos, diríamos até que os louros deste feito serão de uma ou duas pessoas, mas isso é algo que a História se encarregará de escrever. Mas o certo é que vivemos num mundo com um preocupante nível de argumentação da generalidade das pessoas, fruto de uma crescente superficialidade e falta de profundidade intelectuais. A IL trouxe uma conversa concreta, numérica e factual, num paronama político onde o populismo e as promessas vazias viveram sem concorrência.

Ler o artigo completo em O Observador

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s